Pular para o conteúdo principal

Noiva ou prostituta

Todos passamos por momentos de crise na fé. Alguns acham bonito ostentar uma aparência de super-espiritual, uma pessoa acima das lutas e dúvidas dos seres humanos comuns. Não oram como o fariseu que Jesus exemplificou orando de modo negativo (seria dar muito na cara), mas em pensamento e nas intenções fazem o mesmo diariamente. Se achar melhor está cada vez mais ligado a nossa sociedade competitiva, nos super-crentes já é uma união simbiótica.

Entretanto, lembrei-me hoje de uma pessoa espiritual. Ele chegou a um ponto da espiritualidade que perdeu a vergonha de ser apenas humano, frágil, cheio de sentimentos e emoções. Tenho a honra de tê-lo como um amigo de muitos anos; de termos compartilhado diversos momentos importantes de nossas vidas. Um dia, após uma grande decepção, ele me confidenciou algo mais ou menos assim: Amo Jesus, mas odeio a igreja. Ela é uma linda prostituta, louca para se vender para o primeiro com a carteira gorda que aparecer e desfrutar com ele de todos os prazeres que o dinheiro pode proporcionar.

Sabendo da luta que ele passara foi normal eu ter pensado que era "apenas" o resultado de sua decepção, afinal não foi fácil a luta que teve de enfrentar. Gostaria de dizer-lhe algo que lhe ajudasse, que funcionasse como uma tábua onde sua fé pudesse escorar até Deus trazer terra firme. O que eu lhe disse foi: meu irmão, você está olhando para a mulher errada, a igreja continua linda e imaculada, mas é tímida, quase não aparece. A mulher das multidões, que vemos a todo momento na mídia, nos eventos, é a prostituta, buscando seus amantes.

O tempo passou; três ou quatro anos desde esse dia. Posso dizer que meu amigo chegou à margem, são, salvo, de bem com a fé, com Deus e com a Igreja. Sua vida mudou profundamente após essa experiência e arrisco dizer que ele nunca mais vai ajudar uma prostituta na busca por amantes. Minha vida também mudou nesse mesmo intervalo de tempo, novos projetos, novos amigos, novos sonhos. Continuo jogando as tábuas e ajudando a cuidar da menininha que amo, até que se torne a moça tímida chamada Igreja. E ai, me ajuda a cuidar?

Comentários

Postar um comentário

Gostou? Comente!
Não gostou? Comente também!

As mais lidas dos últimos 30 dias

Pedras ou tijolos?

Quando se constrói uma casa hoje em dia, qual o material básico para levantar as paredes? Certamente são os tijolos. Tijolos são feitos em larga escala, obedecendo uma padronização de tamanho que facilita a construção e a torna mais rápida e eficiente. Imagine se você fosse incumbido de construir uma casa de pedras. Inicialmente deveria procurá-las, pois não são fabricadas. Depois de juntá-las seria necessário estudar onde encaixar cada uma, pois são de tamanhos e formatos diferentes e quando melhor encaixadas menos massa entre elas. Seria penoso carregar pedras grandes, trabalhoso usar as pequenas para tapar frestas; é uma obra realmente demorada!!! Muito mais rápido e prático construir com tijolos, não?

Pedro fala um pouco sobre a edificação da igreja comparando com a construção de uma casa. Fica claro a matéria-prima que o Pai usa em sua construção: pedras vivas. Os grandes empreiteiros da fé, na pressa de construir “suas igrejas” aprenderam que se constrói mais rápido com tijolos, …

Igreja nos lares em Brasília

A vida da Igreja não acontece em reuniões formais. Ela acontece no dia-a-dia quando pessoas se comprometem com Jesus e umas com as outras. São compromissos crescentes muito além de religião, dogmas, cultos, eventos, passeatas e qualquer outra programação, esporádica ou frequente.

Não é necessário local especial, ou eventos especiais, mas apenas pessoas; pessoas com a firme convicção de que Jesus é Senhor e tem como propósito que o guardemos seus mandamentos e amemos uns aos outros.

"Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele." Jesus, registrado em Jo. 14:21

"Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis. Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros." Jesus, registrado em Jo. 13:34-35

Esse é o tipo de vida cristã que buscamos: uma vida normal, simples, …

Igreja nos lares?

Existe um movimento crescente chamado igreja nos lares que vem tomando espaço na mídia, além de preocupar líderes de igrejas tradicionais baseadas em templos religiosos. Esse movimento tem como essência uma tentativa de retorno à prática da igreja do primeiro século onde, segundo afirmam, as reuniões aconteciam nas casas.
É possível perceber um aumento significativo no número de cristãos que se sentem incomodados com o rumo que a igreja institucional tem tomado. Esse incômodo se manifesta de diversas maneiras, desde a desistência da fé até a busca de um grupo "mais verdadeiro", parecido com a igreja primitiva; com infinitas possibilidades entre esses dois extremos. Talvez ai comece um dos problemas da chamada igreja nos lares: a frustação e a falta de perdão. Vou falar sobre isso um pouco mais adiante. Por ora falemos da igreja primitiva e de como ela se reunia:
E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegri…