Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2014

A Igreja é assim (!?)

A Igreja é assim.

Ela não respeita instituições, estatutos, paredes, reuniões, padrões, placas, nem nada que o ser humanos possa construir ou instituir. A Igreja simplesmente se manifesta em sua própria existência, alheia ao governo humano e debaixo do governo de Deus. E quando assim o faz a reconhecemos, não pelo fato dela reinvindicar sua posição, mas sim pela sua natureza, caráter e frutos. Então, ao notar essa expressão de vida, podemos nos entregar a sinceridade e concluir, em nosso íntimo, o quanto fazemos ou não parte dela. O quanto estamos misturados nessa vida que atropela, que anda, que empurra, que nos leva a lugares algumas vezes agradáveis e outras, sombrios. Podemos nos fazer a seguinte pergunta: queremos nos engajar nessa coletividade de histórias, alegrias, tristezas, aspirações, acertos, erros, pecados, virtudes, trabalho, lazer e humanidade (sendo que podemos fugir dela), assim como Jesus fez ao deixar os céus, ou preferimos seguir os caminhos, já aclamados, que pode…